Escolha uma linha
Diminuir Normal Aumentar
1
Indique para os seus amigos
Indique para os seus amigos

20/02/2013
Ar mais limpo ainda
Fonte: CNT

imagem

Janeiro de 2013 marca o início da distribuição do diesel S-10, com apenas 10 ppm (parte por milhão) de enxofre, portanto, menos poluente que o S-50, que vinha sendo comercializado desde janeiro do ano passado.

Antes da introdução desse óleo combustível mais limpo, o diesel brasileiro era um dos mais poluentes do mundo.

Por Clésio Andrade, Presidente da CNT. A utilização em larga escala do óleo diesel pela atividade transportadora comprova a importância desse combustível para a economia do país e para toda a sociedade.

Assim, as mudanças, em sua essência, dizem respeito aos transportadores e toda a população.

À medida que traz maior eficiência técnica para o desempenho dos motores e reduz as margens de emissão de poluentes, o diesel S-10 merece ser visto como um combustível moderno e é bem-vindo à matriz energética brasileira.

O Brasil ainda tem muito que avançar na qualidade de seus combustíveis, seja para propiciar melhor desempenho dos motores ou para diminuir os prejuízos ambientais e os danos à saúde da população.

Contudo, com a chegada do S-10, demos um passo decisivo para entrarmos no grupo dos países civilizados do ponto de vista da queima de combustíveis fósseis.

Nosso país vem avançando na estratégia de diminuir os elementos mais nocivos ao meio ambiente.

A CNT está engajada nessa questão, desde o primeiro momento dos debates.

Em 2007, quando instituiu o Despoluir - Programa Ambiental do Transporte, a Confederação Nacional do Transporte introduziu definitivamente a pauta ambiental na agenda do transporte brasileiro.

Como resultado da ação do Despoluir, o programa vem transformando a consciência corporativa no setor transportador, criando uma nova cultura de valores ambientais entre trabalhadores e também no corpo gerencial das empresas de transporte.

Atualmente, podemos afirmar que a grande maioria das empresas tem conduta padrão no tratamento dos elementos poluidores residuais da atividade transportadora.

A CNT por meio do Despoluir, busca promover a eficiência energética, e, neste contexto, a atuação da entidade no Conama (Conselho Nacional de Meio Ambiente) e em outros fóruns do governo tem sido decisiva na implantação de melhores procedimentos, inclusive na redução do teor de enxofre do óleo diesel.

À proporção que a frota de veículos circulantes for renovada e passe a utilizar o diesel com menos enxofre, haverá melhora sensível da qualidade do ar nas grandes cidades.

A utilização de combustível menos poluente é uma conquista da sociedade e dos transportadores.

A redução da emissão de poluentes, com a utilização do S-10, pode representar uma futura redução de custos com menor desgaste dos motores e com menos desperdício.

Ao se empenhar pela evolução tecnológica dos combustíveis brasileiros, a CNT assume posição de destaque na defesa de um meio ambiente sustentável e por um transporte cada vez mais eficiente.




voltar
rodapé Cartão MelhorCartão Melhor Rodrigues Design Viação Sudeste Viação Santa Luzia Ir e Vir Cartão Melhor